História de Aparecida, cidade conhecida como "Aparecida do Norte".

                     A cidade de Aparecida, situada no Vale do Paraíba - interior de São Paulo, recebe milhões de peregrinos anualmente, atraídos pelo turismo religioso local. Na cidade encontra-se a imagem de Nossa Senhora Aparecida, reconhecida mundialmente por realizar milagres e inúmeras graças ao longo dos séculos. A distância de Curitiba, capital do Paraná até a Basílica de Aparecida, é de aproximadamente 610 quilometros, em média 09 horas de viagem em onibus de turismo. A Blanche monta pacotes semanais para a Basílica de Aparecida do Norte, incluindo Transporte em ônibus preparados para longas viagem e Hoteis já com refeições inclusas. Caso prefira uma viagem mais rápida e barata, a Blanche disponibiliza as viagens de  1 dia na basílica de Aparecida, onde está incluído apenas o transporte, e o cliente tem um dia todo para aproveitar na cidade, retornando no mesmo dia.

Os peregrinos se locomovem por grandes distâncias para agradecer as dádivas alcançadas e aproveitam para visitar os Pontos Turísticos da região.
 

A Aparição

Segundo os registros que se encontram no Arquivo da Cúria Metropolitana de Aparecida e no Primeiro Livro de Tombo da Paróquia de Santo Antônio de Guaratinguetá, primeiramente relatado pelo Padre José Alves Vilela em 1743 e pelo Padre João de Morais e Aguiar em 1757, a aparição da imagem ocorreu na segunda quinzena de outubro de 1717, quando Dom Pedro de Almeida, conde de Assumar e governante da capitania de São Paulo e Minas de Ouro, estava de passagem pela cidade de Guaratinguetá, durante uma viagem até a Vila Rica.

Nossa Senhora Aparecida

Venerada por milhões de católicos em todo o mundo, Nossa Senhora da Conceição Aparecida se tornou a padroeira do Brasil nos meados de 1930, sendo representada pela imagem encontrada nas margens do rio Paraíba do Sul no século XVIII. Atualmente, a imagem sagrada está armazenada no altar do Santuário Nacional em Aparecida. Sua festa litúrgica é celebrada no dia 12 de outubro, considerado feriado nacional desde que o Papa João Paulo II consagrou a Basílica em 1980.

Na época os eclesiásticos decidiram fazer uma festa em homenagem a presença de Dom Pedro de Almeida e, apesar de não ser periodo de pesca, os pescadores lançaram suas redes no Rio Paraíba com a intenção de trazerem peixes ao conde. Os pescadores Domingos Garcia, João Alves e Filipe Pedroso clamaram à Virgem Maria e em oração pediram a ajuda de Deus para realizarem uma boa pescaria.

Após várias tentativas, em vão, resolveram descer o curso do rio até chegarem nas proximidades do Porto Itaguaçu. Já estavam a ponto de desistir da pesca quando João Alves jogou sua rede como uma última tentativa. Para a surpresa de todos ele apanhou o corpo da imagem da Virgem Maria sem a cabeça. Ao lançar a rede novamente o pescador apanha a cabeça da imagem, que se encaixa perfeitamente ao corpo encontrado anteriormente.

Após terem recolhido as duas partes da imagem, a figura da Virgem Aparecida teria ficado tão pesada que eles não conseguiam mais movê-la. Segundo os relatos, a partir deste momento as redes dos três pescadores se encheram de tantos peixes que eles foram obrigados a voltar para o porto, uma vez que o volume da pesca era tão grande que ameaçava afundar a embarcação. Este foi o primeiro milagre atribuído à imagem.

Foto do Rio Paraíba do Sul, onde a imagem de Nossa Senhora Aparecida foi encontrada.

Fonte: Guia de Aparecida SP, 2017.

 3079-7977
Reservas                   (41)   99608-8809
Fretamentos                  (41)   99758-9415
Blanche Turismo

Visite

Rua Affonso Rainoldo Kunh, 147

Pinheirinho l Curitiba l Paraná

CEP: 81.820-120

Ligue

T:  (41)    3079-7977
F:  (41) 9 9758-9415

  • facebook
  • Instagram Clean
  • Twitter Clean
  • w-googleplus

Criado por: Alisson Pelizaro.